quarta-feira, 18 de junho de 2008

Bom dia! com Turangalîla (Messiaen)



Para acordar cheio da pica!! "Joy of the Blood of the Stars" , o quinto andamento desta sinfonia.

Que, por sinal, temos MEESMO que falar, já que é das obras orquestrais mais impressionantes!

(para os desconhecedores, aquele «sintetizador marado» são as ondas martenot, que era, imagine-se, o instrumento favorito de Messiaen =P

Bernardo.

4 comentários:

Walking Metaphor disse...

Ele gostava tanto das ondinhas que punha sempre a mulher dele (Yvonne Loriod) a tocar. Era um maluco progressivo...

Daniel disse...

Joie du Sang des Étoiles, no original. Ou seja, a alegriazita do sangue das estrelinhas. Esse andamento é uma espécie de minha música de cabeceira (se é que isso existe), quando preciso, lá está, de acordar (é melhor que tomar café!).
Vi essa sinfonia duas vezes ao vivo, uma para aí em 2002, no Europarque, com uma orquestra alemã (foi fenomenal), e há pouco na CdM com a ONP (foi sofrível).
...
Ouvindo isto enquanto escrevo... meu Deus, o homem devia estar mesmo ébrio quando escreveu isto (daí a alegria? daí o sangue? daí as estrelas?)

Telmo disse...

Eu sei que sou um bocado obcecado por organização, mas já punhas tags no post...

Telmo disse...

Esta merda parece o Woody Woodpecker a rir... Ahahah-ah-ah ahahah-ah-ah